Defesa Civil de São Gonçalo amplia envio de alertas para população

Alertas também serão feitos através da televisão

Como forma de ampliar o acesso à população do monitoramento das condições meteorológicas, a Defesa Civil de São Gonçalo, além do envio de SMS agora realiza alertas, também, através da televisão, para aqueles que possuem TV por assinatura.

É importante destacar que mesmo que sejam enviadas as mesmas mensagens para os dois dispositivos, devido a limitações de caracteres, as recebidas na tela do aparelho televisor serão sempre mais curtas e sucintas com intuito de alertar a população sobre a possibilidade de chuvas fortes no município.

“Estamos sempre em constante evolução e aprimoramento de nossas atividades, sempre focados na prevenção, que é a essência do trabalho da Defesa Civil, pois acreditamos que uma população bem informada e capacitada se torna menos vulnerável aos eventos naturais. Dessa forma conseguimos minimizar esses impactos preservando a vida de nossos cidadãos”, ressaltou o subsecretário de Defesa Civil, Antônio Haag.

No final de novembro a Defesa Civil realizou um exercício Simulado de Desocupação de Comunidades Vulneráveis, na comunidade do Pontal, onde está localizada uma das 25 sirenes de Sistema de Alerta e Alarme. A proposta é que mais bairros recebam o simulado.

As sirenes possuem cinco gravações: aviso de teste, aviso de simulados, aviso de chuva, aviso de mobilização e desmobilização. O sistema de alerta informa a população sobre o nível elevado de chuvas. Se a situação for mais grave, a Defesa Civil dará um alarme pelo sistema de sirene. Neste caso, os moradores devem se dirigir para os locais de apoio, que estão sendo definidos nas comunidades. As pessoas devem reunir a família, pegar documentos e remédios necessários, desligar a chave da luz e o gás, e não voltar à casa se não tiver autorização da Defesa Civil.

As sirenes fazem parte do programa de Proteção e Preparação de Comunidades contra Desastres Naturais no Estado do Rio de Janeiro, que contempla municípios mapeados com o aval do Departamento de Recursos Minerais (DRM). Os equipamentos estão instaladas nos bairros de Itaúna, Nova Grécia, Zumbi, Pita, Novo México, Tenente Jardim, Engenho Pequeno, Boa Vista, Venda da Cruz, Patronato, Porto Novo, Covanca, Gradim, Sete Pontes, Vista Alegre, Arsenal, Mutuaguaçu, Lindo Parque e Laranjal.

De acordo com Tiago Molina Schnorr, Coordenador de Monitoramento e Alerta da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (SEDEC), o planejamento para 2020 é que gradativamente as diferentes formas de comunicar a população sejam ampliadas.

“Cada vez mais os órgãos de proteção e Defesa Civil têm atuado no envio de alertas e notificações prévias a desastres para a população, no sentido de proteger as pessoas em uma eventual situação de risco. A secretaria Nacional de proteção atua na interlocução de novos parceiros e novas tecnologias que podem ser utilizadas para tornar o serviço mais eficiente e efetivo em momentos de desastre. Como novos projetos para 2020, a secretaria vislumbra a maior utilização de mídias sociais e também a melhoria da tecnologia do SMS, além da utilização da TV digital para envio de alertas para toda a população brasileira”, disse

Para receber a notificação via celular o cadastro é rápido e gratuito, basta enviar um SMS para o número 40199 com o seu CEP e o morador passará a receber as mensagens sempre que houver a possibilidade de chuva.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s